quarta-feira, 18 de junho de 2014

FRANGO FRITO NA FRITADEIRA


Bonita e eficiente!

Frango a passarinho bem douradinho

A gordura que joguei fora

O assunto de hoje é a fritadeira elétrica sem óleo. Existem algumas muito caras. Não faz sentido, pois o processo de aquecimento é o mesmo, o timer é igual e por dentro são bem parecidas. Também a maioria das marcas são do mesmo fabricante que mudam apenas o nome da "marca". A minha é a Fritalight do Shoptime. Estou satisfeita com a fritadeira... faço de tudo nela e sempre da certo. Quando adquiri ela não funcionava direito e do nada parava. Daí comecei a sentir cheiro de queimado que vinha da tomada. Explicando... ela vem com os três pinos, então é necessário o adaptador para quem não tem tomada própria e para quem tem é bom observar se aguenta a potência da fritadeira. No meu caso o adaptador não era bom e não deu conta. A panela pifou, mas a troca foi feita rapidamente e assim que a nova chegou já tinha comprado um adaptador melhor e desde então ela funciona "que é uma beleza"!!! Algumas pessoas perguntam se "puxa" muita energia, nem tanto... O termostato quando chega ao limite passa a funcionar só com o calor, ou seja, a fritadeira diminui e aumenta o aquecimento sozinha o que não deixa a conta de luz muito alta! O benefícios são muitos, vou citar alguns:

1) Não utiliza óleo em nada mesmo;
2) Os alimentos ficam sequinhos e crocantes;
3) Ela retira a gordura que fica depositada no bowl;
4) Da para fazer inúmeras receitas e todas ficam deliciosas;
5) Não deixa aquele cheiro de fritura pela casa;
6) Não deixa a cozinha e tudo em volta engordurado;
7) O chão não fica "grudento" e o fogão fica limpo;
8) É fácil de usar e de limpar ou lavar...    

Poderia ficar por aqui mais tempo descrevendo as qualidades, mas sempre vou postar receitas e dicas para que possam ver como ela é versátil. Tem pessoas que ainda defendem a fritura no óleo, alegando que fica mais gostoso. Mas na verdade é que acostumamos a sentir o gosto do óleo "saturado" nas frituras. É uma questão de se habituar e perceber o gosto real dos alimentos.

Para terminar vou deixar a receita do frango a passarinho: 1 kg de frango temperado conforme seu gosto. Acomode os pedaços na cesta e ajuste o termostato para 30 minutos. A cada dez retire a cesta e vire os pedaços para que dourem por igual. Se quiser mais crocante deixe mais um pouco, mas em meia hora já está ótimo... Pode colocar os pedaços por cima um do outro, mas não deixe de virar de vez em quando.  O mesmo se aplica a qualquer cortes de frango que você for fazer.

O interessante que o bowl fica com muita gordura que certamente seria ingerida. Quando fazemos frango em panelas convencionais, é necessário colocar óleo para a fritura e que se junta a gordura da ave e depois colocamos geralmente em papel toalha para absorver o excesso, só que o papel não absorve nem a metade da gordura hiper saturada.  Mesmo tirando a pele a carne do frango também contém gordura. 

Espero que tenham gostado da postagem e em breve tem mais...

BOA NOITE!

3 comentários:

Lúcia Soares disse...

Vejo tantas maravilhas dessa panela por aqui, que vou acabar comprando. Bom saber sobre os 3 pinos.
Beijo, Ana Lúcia

(E essa moderação abaixo, vc ativou mesmo? Nunca tinha visto.)

Anakoelho disse...

Oi Ana!

Fiquei curiosa com essa fritadeira,qualquer dia desses vou comprar uma,achei mto interessante essa fritura sem óleo.
Seu blog tem muita receita boa,é sempre bom passear por aqui.
Um bom fim de semana,t+!

Danielle Gonçalves disse...

Eu adoro essa fritadeira, só de não fazer aquela bagunça no fogão para fritar algo já vale a pena ter uma kkkk. Adoro, beijos.
Tudo na Panela